Antípodas é uma série que compreende fotografias e vídeos gravados com telefone celular durante viagens nos anos de 2015 e 2016. 

 

Antípoda é uma palavra que designa dois pontos diametralmente opostos em termos geográficos, e assim sendo, localidades muito distantes entre si. Antípoda se refere também ao antagônico e, consequentemente, ao diferente. 

 

No ano de 2015, durante uma viagem ao Japão estive na pequena ilha de Naoshima, onde realizei alguns registros de casas e fachadas de construções locais.

 

Em 2016, durante viagem ao Pará, tive a oportunidade de visitar a acanhada cidade de Ajuruteua. Ao caminhar e observar o lugar comecei a constatar semelhanças entre as duas localidades. A despeito da oposição geográfica e cultural me seduziu a possibilidade de enxergar correspondências entre dois mundos tão distantes. Surgiu assim a ideia da junção de ambos os trabalhos numa mesma série.      

 

Os registros em vídeo de deslocamentos realizados no Japão e no Pará são uma forma de aproximar ainda mais esses dois universos antípodes.

> NAOSHIMA | JAPÃO

> AJURUTEUA | PARÁ